Noel Rosa, O Poeta da Vila e Seus Amores
17 de Dezembro

Com texto de Plínio Marcos e direção de Dagoberto Feliz, o espetáculo passeia pela história da vida de Noel Rosa e traz diversas músicas de sua carreira, convidando o público a entrar no clima dos botequins cariocas, ambientes favoritos do cantor. Por todo o espaço cênico são espalhadas mesas e cadeiras nas quais os espectadores são convidados a se acomodarem e a degustarem quitutes e bebidinhas. Nasce, então, um cenário de botequim ou cabaré, que envolve atores e público no mesmo universo de nomes como o radialista Casé e o sambista Wilson Batista – figuras que emolduraram o Rio de Janeiro da década de 30.

Um Noel Rosa moribundo, que se coloca a recordar os grandes momentos de sua vida, é o fio condutor para o espetáculo musical, que narra em forma não linear os fragmentos da história do compositor. Mulheres como a mãe de Noel, as damas que abalaram seu coração e suas intérpretes favoritas (Araci de Almeida e Marília Batista) protagonizam uma espécie de delírio que recria o clima boêmio da Era do Rádio, dos grandes carnavais e cabarés típicos dos arredores dos Arcos da Lapa.

Plínio Marcos (o autor) e Noel Rosa (o grande protagonista) são figuras que carregam, por si só, importância para a arte brasileira. Ambos estão na “boca do povo”: no diálogo direto e explosivo de Plínio Marcos que, de tão popular, cabe facilmente na fala de qualquer um que se sente sufocado por um sistema que não lhe deixa saída; ou quando cantarolamos “Com que Roupa?”, “Feitiço da Vila”, “Filosofia”, entre muitas outras músicas do poeta de Vila Isabel. E mesmo depois de quase oitenta anos, as composições não foram esquecidas.

DETALHES

17 de Dezembro
Sexta-Feira às 21h00
Musical
Duração: 60 minutos
R$ 80,00 / R$ 40,00
Classificação: 14 anos
Vendas na bilheteria:

Quarta a sexta, das 13h às 21h.

Aos Sábados das 13h as 21h.

Aos domingos, das 13h às 19h.


Ponto de vendas sem taxa:

Teatro Colinas


Formas de pagamento:

Dinheiro, cartões de crédito e débito.


Capacidade: 324 lugares


Telefone: (12) 3204- 5236